Obras paralisadas da CEDAE em Itaperuna prejudica abastecimento aos clientes

O novo reservatório de água tratada com capacidade de 4.000 M³ está deteriorando com as obras paralisadas

0
306
O novo reservatório de água tratada com capacidade de 4.000 M³ deteriorando com as obras paralisadas

Iniciadas anos atrás as obras para promover melhorias no Sistema de Abastecimento de Água de Itaperuna, de modo a garantir num horizonte de 20 anos, para a produção, reservação e distribuição capazes de atender a demanda, bem como reduzir o custo operacional com energia elétrica com o aumento da capacidade de reservação, estão paralisadas e o que seria uma solução está sendo um tormento para os moradores da maior cidade do Noroeste Fluminense.

O Município de Itaperuna vem sendo abastecido em sua sede por sistema operado pela CEDAE, enquanto os demais distritos são operados pela Prefeitura Municipal de Itaperuna.

As intervenções então propostas, visavam adequar a produção, construir novos
reservatórios, troncos distribuidores e redes de abastecimento o que não foi concluído.

A população a ser beneficiada era de cerca de 91.194 habitantes e os recursos
necessários eram oriundos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), que encontravam-se assegurados para a execução dos serviços, que importariam em R$ 22.063.532,55 (vinte e dois milhões, sessenta e três mil, quinhentos e trinta e dois reais e cinquenta e cinco centavos) no governo de Sérgio Cabral.

O novo reservatório de água tratada com capacidade de 4.000 M³, estão com as obras paralisadas o que pode comprometer toda a estrutura até então construída, com rachaduras que inutilizará todo trabalho realizado.

Obras para o tratamento de esgoto sanitário também paralisadas

Não bastando a questão do abastecimento de água, a CEDAE ainda abandonou a instalação da Estação de Tratamento de Esgoto – ETE de Itaperuna. A obra faz parte do projeto de despoluição do Rio Muriaé. Face ao relatado o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, abriu uma Ação Civil Pública na qual requereu vistoria nas Estações de Tratamento de Água e Esgoto em Itaperuna.

Estação de Tratamento de Esgoto de Itaperuna com obras paralisadas

O Portal Itaperuna Notícias procurou entrar em contato com a CEDAE para que a empresa pudesse dar informações sobre o assunto, porém até o fechamento desta matéria não haviam esclarecido as causas da paralisação das obras e nem tampouco sobre os constantes cortes nos abastecimentos na cidade.

Da Redação do Portal Itaperuna Notícias