Acusado de feminicídio em Miracema é preso no Espírito Santo

0
474

Nesta segunda-feira (09) Policiais da Delegacia de Polícia de Domingos Martins prenderam, Gutemberg Xavier Alves, acusado de esquartejar e colocar fogo e enterrar a sua companheira, Franciane Moizes Pedro, em Miracema, no Noroeste Fluminense.

Gutemberg estava foragido da Justiça desde o desaparecimento de Franciane no dia 13 de setembro.

No dia 22 daquele de outubro, a Polícia Civil de Miracema escavou o quintal da casa onde a vítima morava, naquela cidade e encontrou um tecido com mau cheiro. Foi então detectado que o corpo da mulher tinha sido enterrado naquele local.

A polícia de Miracema depois de intensas investigações encontrou a ossadas enterradas em uma área rural, na divisa daquele município com Palma, em Minas Gerais.

Além de esquartejada, Franciane teve o corpo incendiado e não foi possível saber como ela morreu. O delegado afirma que, segundo relatos colhidos pela polícia, Gutemberg, que é soropositivo, se filmava fazendo sexo com outras mulheres e obrigava Franciane a assistir.

Antes de morrer, a mulher também chegou a contar aos amigos que foi até obrigada a comer fezes e viveu sob constantes ameaças. A vítima também tinha contado para parentes que o homem chegou a obrigá-la a fazer uma tatuagem, escrito: “Gutemberg, eu te amo”.

Da Redação do Portal Itaperuna Notícias