Prefeito de Muriaé afirma que dados podem estar mascarados por falta de exames

Prefeitura lançará nesta segunda-feira (20) aplicativo de serviços para atender à população

0
252

O prefeito de Muriaé, na Zona da Mata de Minas Gerais, Ioannis Konstantinos Grammatikopoulos, o Grego, afirmou na quinta-feira (16) que os dados estatísticos sobre o Coronavírus (COVID-19), podem estar mascarados por causa da falta de testes para a doença. Ele reuniu o Comitê Gestor Extraordinário e definiu que algumas atividades abrirão as portas na segunda-feira (20), porém passa a ser obrigatório o uso de máscaras dentro dos estabelecimentos comerciais por parte dos clientes e somente 1 comprador por 10m² de área útil.

A Resolução nº 9 prevê ainda que as atividades autorizadas agora devem preencher termo de responsabilidade e obter autorização especial de funcionamento.

A nova resolução que foi publicada nesta sexta-feira (17) determina que estabelecimentos devem obter autorização especial de funcionamento. A autorização também prevê que o estabelecimento deverá disponibilizar álcool em gel 70% para todos.

O Termo de Ciência, Responsabilidade e Compromisso, por sua vez, é o documento no qual o proprietário de cada estabelecimento se compromete a cumprir todas as normas estabelecidas pelo Comitê Extraordinário Covid-19.

Veja aqui as declarações do prefeito de Muriaé Ioannis Konstantinos Grammatikopoulos, o Grego

Da Redação do Portal Itaperuna Notícias